8 provas de que faz muito bem correr

Por Revista Ana Maria

Calçar o tênis, vestir a roupa de ginástica e sair para correr está longe de ser somente uma atividade para emagrecer. Eduardo Bernardo, médico do esporte do Ifor, hospital especializado em ortopedia da Rede D’Or São Luiz, revelou as principais vantagens do esporte. Confira!

1 DEFINE: diminui e controla a porcentagem de gordura corporal, principalmente em regiões como culote, bumbum e coxas, além de reduzir a flacidez.

2 MELHORA O .HUMOR: aumenta os níveis de dopamina e serotonina, neurotransmissores responsáveis pela sensação de prazer e bem-estar.
Por isso que a corrida é considerada uma importante aliada na diminuição do estresse e dos sintomas da TPM.

3 DIMINUI OU MANTÉM O PESO: estudos afirmam que corredores emagrecem com facilidade e conseguem manter a forma por muito tempo. Além da queima de gordura, a corrida proporciona mais saciedade, porque diminui o apetite.

4 DEIXA OS OSSOS MAIS FORTES: o impacto do corpo no chão aumenta a resistência dos ossos. Mas é importante, claro, tomar cuidado com o calçado e com a maneira de pisar. Procure sempre orientação para não prejudicar as articulações.

5 TRABALHA A CONSCIÊNCIA ; CORPORAL: a corrida exige foco e concentração, o que estimula o raciocínio e a memória.

6 PREVINE DOENÇAS CARDIOVASCULARES: melhora o funcionamento cardíaco, auxiliando’ na redução da pressão arterial. Além disso, a corrida auxilia na redução do LDL (colesterol ruim) e na melhora do HDL (colesterol bom). Seu fôlego melhora também e você aguenta mais!

7 PROTEGE AS VIAS AÉREAS DE INFECÇÕES: estudos afirmam que praticantes têm menores incidências de infecções de vias aéreas, como resfriado. A imunidade de quem faz esporte é melhor.

8 PREVINE A PERDA DE MEMORIA: a corrida aumenta a produção de células no hipocampo, que são responsáveis pela memória e aprendizagem, prevenindo a degeneração dos neurônios e, assim, a demência e outras doenças degenerativas, como o Alzheimer. Vale muito a pena!

Faça do jeito certo

Para correr não basta só colocar o tênis e a roupa de ginástica, viu? Para não desenvolver alguma lesão, faça um aquecimento antes de começar o exercício, nem que seja uma caminhada de dez minutos ou um alongamento básico. Além disso, procure orientação de um educador físico para que não sobrecarregue a coluna, pés e pernas.

O que é melhor: correr ou caminhar?

Para quem é sedentário e está começando a fazer atividade física, a melhor opção é a caminhada, que tem uma intensidade menor. Já a corrida é indicada para as pessoas com um maior condicionamento físico. Com o passar do tempo, porém, quem começou pela caminhada pode aumentar a velocidade gradativamente até encontrar o nível mais confortável. De qualquer forma, se o seu objetivo for emagrecer, a melhor opção é correr.

Na esteira e na rua?

Na rua, o impacto sobre as articulações é maior, enquanto na esteira, por elas terem amortecedores, ele é minimizado. Por conta disso, o mais recomendado é iniciara prática por onde é mais fácil para ir dificultando. Ou seja, comece na esteira para só depois ir para a rua.

Quem pode fazer?

Pode ser praticada por qualquer pessoa, mas é essencial fazer exames para identificar possíveis doenças ou limitações físicas antes de começar. Quem já caminha e possui melhor condicionamento físico começa a correr naturalmente.